quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Razões pelas quais um casal permanece junto.




Segundo, o Dr. Steve Stephens, psicólogo e palestrante sobre relacionamento conjugal, nos seus vinte anos de aconselhamento familiar, vejam quais as razões que pelas quais os casais permanecem juntos:
Meu cônjuge é o meu melhor amigo.
-Passamos tempo juntos e gostamos disso.
-Eu admiro meu cônjuge. Ele tem virtudes interessantíssimas.
-Casamento é um compromisso para a vida toda.
-Meu cônjuge se interessa por mim, ele quer saber como está o meu coração.
-Temos sonhos e objetivos comuns.
-As nossas crianças precisam de um lar estável.
-Meu cônjuge é positivo, sempre me encoraja e me estimula nos meus projetos.
-Meu cônjuge me aceita como eu sou.
-Temos a mesma crença com relação a Deus, e outros interesses muito parecidos.
-Nos comunicamos bem. O nosso diálogo é quase sempre pró-ativo, ou seja, falamos dos problemas antes que ele nos perturbe.
-Respeitamos e apreciamos um ao outro.
-temos uma vida sexual muito boa.

Campanha:Diga Não a erotização de crianças.Não alimente a pedofilia e não induza ao pecado.Não publique fotos de crianças nuas,com roupas intimas ou de banho.

domingo, 26 de setembro de 2010

Vamos ajudar essa Nação





Vamos levar as eleições para presidente para o Segundo turno, Marina Silva, uma das 40 mulheres mais influentes do mundo, sem contar a sua postura ética e crista. O povo de Deus pode e só querer, vamos La, eu voto 43 Marina Silva e para Dep. Federal 1551 Fernando Carvalho. Acesse: www.pastormarcelofarias.blogspot.com, passe essa mensagem mundo a fora. Eu defendo a família e bons princípios, igualdade entre as pessoas, não precisamos de classes superiores, todos iguais diante da lei que rege o nosso pais e diante de nosso Deus.


quinta-feira, 9 de setembro de 2010

A vitoria em nome de JESUS







Apesar de muita gente considerar como inexistente o diabo, nós sabemos que ele é real e atuante. Basta olhar as páginas dos jornais para ver as suas obras, bem como visitar os hospitais e casas de recuperação, para se conhecer a sua capacidade destruidora. Se ele não existe, quem é o causador de todos estes males que vemos portadas as partes? Se ele não é real, a Bíblia e o próprio Senhor Jesus nos enganaram quando afirmaram categoricamente a sua existência.

Considerá-lo como lenda ou figura de retórica é fazer-lhe um grande bem; pois, deste modo, ele ficará livre para continuar nas suas funestas ações.

SUA ORIGEM

Satanás era originalmente um anjo de Deus. Seu nome: Lúcifer (o que leva a luz). Era um anjo glorioso; porém, permitiu que o orgulho surgisse em seu coração, aspirou ser "como o Altíssimo" e caiu na "condenação do diabo".

Vejamos duas passagens bíblicas que falam deste ser:

Como caíste do céu, ó estrela da manha, filha da alva! Como foste lançado por terra, tu que debilitavas as nações! E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu, acima das estrelas de Deus, exaltarei o meu trono, e, no monte da congregação, me assentarei, da banda dos lados do Norte.

Subirei acima das mais altas nuvens e serei semelhante ao Altíssimo. E, contudo, levado serás ao inferno, ao mais profundo do abismo (Is 14.12-15).

Filho do homem, levanta uma lamentação sobre o rei de Tiro, e dize-lhe: Assim diz o Senhor Jeová:

Tu és o aferidor da medida, cheio de sabedoria e perfeito em formosura. Estavas no Éden, jardim de Deus; toda pedra preciosa era a tua cobertura, a sardônia, o topázio, o diamante, a turqueza, o ônix, o jaspe, a safira, o carbúnculo, a esmeralda e o ouro: a obra dos teus tambores e dos teus pífaros estava em ti; no dia em que foste criado foram preparados. Tu eras querubim ungido para proteger, e te estabeleci; no monte santo de Deus estavas, no meio das pedras afogueadas andavas. Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que foste criado, até que se achou iniquidade em ti. Na multiplicação do teu comércio, se encheu o teu interior de violência, e pecaste; pelo que te lançarei profanado, fora do monte de Deus, e te farei perecer, ó querubim protetor, entre pedras afogueadas. Elevou-se o teu coração por causa da tua formosura, corrompeste a tua sabedoria por causa do teu resplendor; por terra te lancei, diante dos reis te pus, para que olhem para ti. Pela multidão das tuas iniqüidades, pela injustiça do teu comércio, profanaste os teus santuários; eu, pois, fiz sair do meio de ti um fogo, que te consumiu a ti, e te tomei em cinza sobre a terra, aos olhos de todos os que te vêem. Todos os que te conhecem entre os povos estão espantados de ti; em grande espanto te tornaste e nunca mais serás para sempre (Ez 28.12-19).


COMO O DIABO ENTROU EM NOSSO MUNDO

Deus criou a terra e a entregou ao homem. Porém, advertiu o Senhor ao homem que não Lhe desobedecesse comendo o fruto de uma certa árvore, o que acarretaria a sua morte. Apesar de ter sido advertido pelo Senhor, ao ser tentado pelo diabo, ele comeu o fruto. Diz a Bíblia:

Pelo que, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado, a morte, assim também a morte passou a todos os homens, por isso que todos pecaram (Rm 5.12).

A morte a que o Senhor Deus Se refere neste versículo é a natureza de Satanás. Desde então, o diabo passou a ter livre trânsito aqui na terra, realizando as suas terríveis ações. O pecado cometido por Adão deu-lhe o "direito" de agir nesta terra.


A DERROTA DE SATANÁS

Esta situação durou até o nosso Deus ter-Se encarnado, e, vindo a este mundo, aniquilado com o poder do diabo. ...Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo (1 Jo 3.8). E, despojando os principados e potestades, os expôs publicamente e deles triunfou em si mesmo (Cl 2.15).

Estas Escrituras nos informam que o Senhor Jesus destruiu todas as obras do diabo. O diabo está derrotado e vencido e não pode em hipótese alguma ter poder sobre a nossa vida. Na verdade o diabo só tem poder na vida do cristão se ele o permitir ou se o cristão não conhecer os seus direitos em Cristo.

...Escrevo-vos, porque vencestes o maligno... (1 Jo2.13).

Podemos confessar que triunfamos sobre o maligno, pois quando aceitamos o Senhor Jesus como nosso Salvador, tudo que o Senhor fez foi lançado à nossa conta. Nós somos vencedores sobre o diabo. É assim que Deus nos vê. O diabo foi eternamente vencido e derrotado quando o Amor deu a Sua vida por nós lá no Calvário. É bom se lembrar sempre disto e, toda vez que ele tentar levantar a cabeça para nos atacar, devemos repreendê-lo, dizendo: "Derrotado, fora! Na minha vida não, eu não lhe permito contradizer a Palavra de Deus."


O QUE FAZER QUANDO O DIABO NOS ATACA?

Não devemos temer as ciladas do diabo. Em Isaías 54.17 está escrito:

Toda ferramenta forjada contra ti, não prosperará...

Devemos ficar acordados e sempre identificar que atrás de todo mal que nos ocorre está a mão do maligno. É bom prevenir porque ele nunca aparece e diz: "Eu sou o diabo e vim tentá-lo." A verdade é bem ao contrário, ele tudo fará para que você não acredite que isto que está lhe ocorrendo é dele.

Muitos são tão enganados que chegam a ponto de exclamar: "Puxa, também tudo é do diabo. Que nada, a gente tem parte nisto também. Afinal de contas quem foi que mandou que eu comesse aquela comida. Coitadinho do diabo, agora tudo que acontece de mal foi ele que fez." É triste, mas é verdade. Declarações como essas muitas vezes saem dos lábios de pessoas que são filhas de Deus.


UMA ADVERTÊNCIA BÍBLICA

A Bíblia nos adverte em 1 Pé 5.8, o seguinte: Sede sóbrios, vigiai, porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar.

É bom levar a sério esta advertência do Espírito Santo. Ele sabe que o diabo é astuto e tem conseguido tragar muitos. No entanto, não temos que temê-lo, nem nos acovardar quando ele vier com as suas tentações, porque Cristo nos libertou completamente do seu poder.

Também não precisamos ficar suplicando a Deus que faça algo contra o diabo. Tudo que Ele tinha que fazer, já foi feito. Agora Deus não tem mais nada a fazer com o diabo. Na mente de Deus o diabo já foi vencido e derrotado. Ele nos recomenda:

Estai, pois, firmes na liberdade com que Cristo nos libertou... (Gl 5.1).

Você não deve se sujeitar mais ao diabo. É seu dever se levantar e sair do cativeiro. Pois, através da obra de Jesus, você já venceu o diabo. Faça com que o diabo ouça isto dos seus lábios.

Reconheça a sua libertação e passe a confessá-la ousadamente.


O QUE FAZER COM A NOSSA REDENÇÃO?

Deus espera que a aceitemos e passemos a agir como redimidos. O diabo sabe que tem que obedecer a todos que descobrem esta verdade. A Bíblia diz: Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus (1 Co 6.20).

Devemos exigir que a doença saia do nosso corpo, deixando-o livre. Pois, como poderemos glorificar a Deus nele, se o mesmo está sendo consumido pela moléstia?

Também devemos exigir que todo o pecado saia do nosso espírito, senão nos será impossível glorificar a Deus em nossos corações.

Quando Deus declara um fato, para Ele é assunto encerrado.

Toda vez que o diabo vier lhe trazer qualquer mal, repreenda-o em Nome de Jesus e mande-o dar o fora.

A nossa redenção é real. Somos território liberto. A escravidão sobre a nossa vida terminou. O senhorio do diabo findou. Agora temos um novo Senhor que nos comprou para Deus e nos fez mais do que vencedores.... Subindo ao alto, levou cativo o cativeiro e deu dons aos homens (Ef 4.8).


A NOSSA POSIÇÃO

Temos aprendido nas lições anteriores que somos nós que fazemos a diferença. A nossa atitude é que determina o que realmente somos. Dizer da boca pra fora que somos libertos das garras do maligno e não agir de acordo com a Palavra de Deus nada nos adiantará.

Mas, se tomarmos ao pé da letra as afirmações que o Senhor faz a nosso respeito e começarmos a usar os nossos direitos, podemos ficar certos de que o nosso Deus não nos deixará sozinhos nesta luta. Bem ao contrário, Ele mesmo a tomará como Sua e nos dará a vitória.

A nossa posição é de completa vitória. Porém, vamos advertir mais uma vez: De nada valerá para nós o que Deus declara ser nosso, se não aceitarmos e não agirmos de acordo com as recomendações bíblicas.

Mas em todas estes coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou (Rm 8.37).
Por:// Dulcinea Pontes

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

presença de Jesus transforma o homem.

INTRODUÇÃO
Quebra-Gelo: ____________________________________________________________
(Faça a Leitura do Texto)
Gancho: ________________________________________________________________

Afirmação Teológica: A presença de Jesus transforma o homem.

Frase de Efeito: DIANTE DE JESUS, VOCÊ NUNCA MAIS SERÁ O MESMO.

- Ao chegar em Cafarnaum, Jesus provocou diversas transformações:

1) JESUS TRANSFORMOU A ROTINA DAQUELA CIDADE – vs 1 a 3.
Nota: Aquele povoado experimentou momentos de um verdadeiro mover de Deus; não um circo, que distrai o povo, mas poder de Deus que salva, cura e liberta.

Ilustração: A História Geral é testemunha do poder transformador de Jesus. Seu e-vangelho mudou a engenharia, a música, a filosofia, o direito, o respeito à vida, o respeito às mulheres, o respeito às crianças, o calendário, etc.

Rejeição: Tem gente que acha errado evangelizar as tribos indígenas.

Retruco: Aos índios permite-se de tudo da cultura dos brancos (de bens de consumo ao consumo de drogas); não podemos deixar de apresentar-lhes o poder transformador do evangelho de Jesus, por mais que o proíbam. Importa mais obedecer a Deus que aos homens. E disse Jesus: “Ide...”.

Aplicação: Você quer que a sua rotina seja transformada? Coloque-se na presença de Jesus. DIANTE DE JESUS, VOCÊ NUNCA MAIS SERÁ O MESMO.

Apelo: Se você está cansado desta rotina enfadonha em que se transformou a sua vida, coloque-se agora na presença Dele e experimente o que Ele tem para lhe dar. Sua vida nunca mais será a mesma.

m
2) A PRESENÇA DE JESUS TRANSFORMOU O SENTIMENTO DOS OUVINTES
2.1 – Escribas: Sua curiosidade foi transformada em animosidade (aversão persis-tente)-vs 8.
Nota: A aversão inicial dos escribas acabou em ódio de morte contra Jesus.
2.2 – Multidão: Sua curiosidade foi transformada em júbilo – vs 12.
Pcruz: Rm 5.1 (Paz para com Deus) e Mt 11.28 (Vinde a mim todos vós...).
Aplicação: Jesus vai transformar os seus sentimentos. De jeito ou de outro.
Ilustração: _______________________________________________________________
F.E.: DIANTE DE JESUS, VOCÊ NUNCA MAIS SERÁ O MESMO!
Apelo: Seus sentimentos são ruins? Quer se ver livre deste peso? Abra seu coração para Jesus, AGORA! Ele vai transformar seus sentimentos, pois, Jesus é maravilho-so.

3) A PRESENÇA DE JESUS TRANSFORMOU O PARALÍTICO
Fund.: Destacar a transformação experimentada por Naamã e Zaqueu.

É... o paralítico de Cafarnaum experimentou este tipo de profundas transforma-ções
3.1 – De Criatura de Deus em Filho de Deus – vs 5 (“Filho...”)
3.2 – De Pecador não perdoado em Pecador Perdoado – vs 5
3.3 – De Paralítico em Curado – vs 12.

Rejeição: Você é um daqueles que acredita que ”Pau que nasce torto morre torto”?
Retruco: Não pense que os pecados dos outros são maiores que os seus.
Boa semente: Para Deus, todos nós somos igualmente pecadores (Rm 3.23 e Is 1.18) e todos nós precisamos ser transformados por Seu Filho.

Ilustração: _______________________________________________________________
Pcruz: O ladrão da cruz.
Aplicação: Você quer ter a sua vida transformada? Coloque-se na presença de Je-sus.
F.E.: DIANTE DE JESUS, VOCÊ NUNCA MAIS SERÁ O MESMO!
Apelo: Jesus veio para dar vida em abundância. Coloque-se na Sua presença. AGORA!

Conclusão
Se nós nos colocarmos na presença de Jesus, Ele irá transformar:
- A nossa rotina;
- Os nossos sentimentos;
- E, todo o nosso ser.

APELO FINAL
É disto que você está precisando? É isto que você está procurando para você? Transfor-mações profundas em sua vida, seus sentimentos e em todo o seu ser? Então, coloque-se agora mesmo na presença de Jesus. Ele é o Filho de Deus. Ele vai transformá-lo.

F.E.: DIANTE DE JESUS, VOCÊ NUNCA MAIS SERÁ O MESMO!

Autores: Este sermão foi elaborado pelos alunos do Curso “Explica a Palavra”, mi-nistrado em Outubro/2003 na sede do Jornal Gazeta Cristã (Curitiba-PR) Foto. Sua utilização em púlpito é liberada, sem necessidade de citar a fonte. Porém, os Direitos Autorais são mantidos. Qualquer outra forma de utilização necessitará de auto-rização por escrito deste site.

Obs: As siglas acima (F.E., POL, Qgelo, Pcruz, etc.) são estabelecidas no Curso “Explica a Palavra”.