quarta-feira, 30 de janeiro de 2013






A TODOS OS CASAIS E NAMORADOS.


Leia você vai amar.


O bailar da Lua.


Ontem a noite precisei levar minha filha na Cidade de areia, onde ela estuda na universidade Federal, até ai tudo bem, se não fosse algo que chamara a minha atenção.
Fiquei extasiado com a cena que me encantou. No decorrer de minha curta viagem, fui surpreendido com o romantismo de uma noite diferente.
Notei que estava sendo seguido e a velocidade de meu carro não me ajudava, entre curvas e curvas lá estava ela com sua leveza sempre ao meu lado, um bailar exuberante com movimentos que pareciam plainar, nunca vi tanto encanto e poesia, nem os dançarinos da maior escola do mundo, a Escola do Teatro Bolshoi na Rússia se movimentava com a leveza e maestria.
Sem conseguir despista-la, pois a visão cada momento me deixava sem folego.
O mundo parou por um instante essa foi a minha sensação, sem alternativa, pois o percurso era curto resolvi da asa a imaginação. Perguntei: Ó lua o que fazes nessa noite e que não resolve ficar em seu lugar parada?
Hoje vim especialmente para iluminar seu caminho, e se me achas grande é porque o nosso Deus me fez assim, porque Ele sabia que hoje você passaria por essa rodovia e me mandou te presentear com meu brilho suave e dourado.
Além que eu hoje estou na minha totalidade e minha presença mostra aos povos a gloria de nosso Deus. As pessoas ficam mais calmas, mas amigas, mas felizes.
Entre arvores, rios, montanhas, vales, descidas e subidas, ela foi comigo e voltou.
Nunca vi uma noite encantadora como esta em toda minha vida, e para acrescentar minha felicidade, estava ao meu lado a minha esposa Dulcinéa que é a fonte de minhas inspirações românticas, minha filha Evelyn e meu primogênito Ítalo que estava em casa os quais são frutos dessa poesia.
Então a ela ofereci a noite de ontem, me despedi da lua com um adeus temporário, ela me sorriu do alto do infinito como que dizia até uma próxima oportunidade o obrigado pela sua companhia.
Ofereço essa poesia a todos os casais românticos e a todos os namorados.
Autor: Pr. Marcelo Farias.