domingo, 9 de maio de 2010

Adolescentes de outrora ...adoleslescente séc.XXI

Uma das minhas tarefas interessantes do meu dia a dia é acompanhar a minha adolescente à escola, acompanho-a todos os dias assim como vou às reuniões escolares periódicas. Mas o que mais me fascina neste ambiente escolar é observar os jovens de hoje!

Ora bem, analisando os factos, cada adolescente tem a sua própria adolescência, embora tenham caracteristicas comuns, sem as quais seria dificil definir esta fase da vida de que tanto se fala agora.

Nos meus tempos de espera do toque de saída fico a divagar sobre o que foi a minha fase de adolescência. Lembro-me que por volta dos meus 13 ou 14 anos e os rapazes um pouco mais tarde entrávamos naquilo que se designava “idade do armário”. Era assim que se chamava na minha geração a fase de adolescência.

Não se falavam em hormonas embora estas continuem no mesmo sitio e com as mesmas funções! A relação pais / filhos consistiam em nos darem na cabeça e dizerem para os amigos: “Estão na idade do armário, isto passa mais dia menos dia”.

Tornámo-nos adultos ainda bastante jovens, ficávamos sózinhos em casa onde tudo era permitido, estudavamos o menos possivel. Ouviamos música “Like a Virgin” de Madonna e dançavamos para o espelho (falo das raparigas).

Sair com os colegas era coisa rara. Aproveitávamos as saídas durantes umas baldas às aulas. Íamos ao café fumar o cigarro e comportávamo-nos como adultos.

O meio de comunicação com os colegas durante o período fora da escola era feito através do telefone fixo lá de casa que por sua vez era controlado ao fim do mês quando os nosso pais recebiam a factura dos TLP’s.

Mas corríamos alguns riscos, pelo menos é o que constato quando leio reportagens sobre o tema segurança nos dias de hoje:
- Não usavamos cintos de segurança. Lembro-me que viajava no banco de trás deitada com a cabeça sobre uma almofada e lia os livros do Tio Patinhas perguntando insistentemente: “Ainda falta muito para chegarmos?”

- Repartia a sandes com a minha colega preferida, dentada a ti,a dentada a mim, sem pensarmos nas doenças possiveis de transmitir, bebíamos água da torneira nas casas de banho, até andavamos ao murro sem ninguém se meter e fazíamos as pazes na hora...

Os adolescentes de hoje têm telemóvel, internet (comunicam via messenger), televisão no quarto, e outros acessórios da moda. Se vão em grupo, das duas uma, ou vão calados porque cada um vai a curtir o seu Ipod ou então abrem a boca e dizem asneirada...

No entanto, os pais sempre que podem vão levá-los à escola e buscá-los (é o meu caso), vivemos aterrorizados com o que lhes pode acontecer, uma boleia mal intencionada, por exemplo. Fechamos os nosso filhos nos ATL’s, com a desculpa de que necessitam de ajuda e orientação nos trabalhos escolares. Preenchemo-los com aulas de música, ginástica, natação... e finalmente chega a noite e regressam com os pais a casa. Depois é um “toca a despachar” para se deitarem cedo porque as aulas começam às 8 da manhã. Os adolescentes de hoje não têm tempo! Um bem que nos é tão precioso!

Mas nós pais, sabemos exigir! Notas para entrar na faculdade!

- Tens de ser engenheiro para ganhares dinheiro para poderes comprar um carro de gama alta e por esta razão tens de atingir as médias que tão necessárias são para ingressares na faculdade – palavras do pai para a filha adolescente que só pensa no seu estilo gótico ...

No meu tempo, quando não queríamos estudar, mandavam-nos trabalhar! Hoje, recorre-se aos psicólogos e ao estudo acompanhado ( mais umas horas fechados entre quatro paredes).

Quanto ao falar em sexualidade, alto e pára o baile! Na minha geração poucos eram os pais que se sentiam à vontade para nos explicarem fosse o que fosse. Hoje, a mãe leva a menina ao ginecologista e pede-lhe para receitar uma pílula levezinha (???), o pai no meio de ataques de tosse seca, oferece uma caixa de preservativos ao filho sem entrar em grandes diálogos. Esta atitude dos pais de hoje mostra-nos que existe alguma preocupação, embora ainda muito fechada, sobre a sexualidade dos seus filhos, o que a meu ver é um passo muito importante.

Bem, mas sobre este tema muito se pode falar e escrever...
Apenas o fiz aqui porque entendi partilhar um pouco da saudade que tenho da minha fase do armário que tão bem vivi e fui feliz.
Tempo, era o que não me faltava e tenho pena que este bem tão precioso seja tão escasso para a juventude de hoje!

Escrito por Ana Jasmin

domingo, 2 de maio de 2010

Os Males destrutivos do cigarro.

Cada 1 cigarro, a pessoa diminui 15 minutos na vida
Cada 20 cigarros (maço) diminuem 5 horas da vida
Cada 3 maços por dia diminuem 15 horas da vida

. 8 pessoas por minuto no mundo

. 3 milhoes de pessoas morrem no mundo

. 80.000 morrem no Brasil por ano

. 4700 substâncias tóxicas em um cigarro
. 60 substâncias cancerígenas no fumo do cigarro
. 90% câncer de pulmao e 30% de outros tipos de câncer
. 40% apresentam queixas de zumbido na audiçao
. Ao fumar a pessoa inala
Arsenico e naftalina, também usados contra ratos e baratas (veneno)

Os Males do Cigarro Malefícios do tabaco

1. Perda de cabelo - Males do Cigarro
O fumo do cigarro exerce uma contraçao nos pequenos vasos sanguíneos do nosso couro cabeludo, que conseqüentemente provoca uma falta progressiva de oxigenio que enfraquecerá os folículos capilares. Como se nao chegasse, o fumo do cigarro como também enfraquece o sistema imunológico. Isso deixa o corpo humano mais vulnerável a doenças como "erythematosus de lupus" que tem como consequencia a perda de cabelo e erupçoes no couro cabeludo, face e maos.

2. Cataratas - Males do Cigarro
Sabe-se um dos males do cigarro é causar ou piorar a visao. Basicamente quem fumar mais de um maço por dia o dobro das probabilidades de desenvolver nos olhos cataratas - que pode em longo prazo resultar em cegueira! Os olhos a visao é afetado pelo cigarro de duas maneiras Exteriormente porque o fumo irrita claramente os olhos; Interiormente, porque o as substâncias químicas e nocivas do fumo "viajam" desde os pulmoes até os olhos via circulaçao sanguínea.

3. Rugas e Envelhecimento da Pele - Males do Cigarro
O fumo provoca um envelhecimento precoce da pele pelo esgotamento das proteínas responsáveis pela elasticidade da pele + vitamina A. A pele dos fumadores fica seca, dura e com mini-rugas, especialmente na cara - área mais afetada pelo fumo.

4. Perda de audiçao - Males do Cigarro
O ato de fumar cria uma superfície em redor dos vasos sanguíneos, que decresce a quantidade do fluxo de sangue para o ouvido. Os fumadores podem perder a audiçao muito mais cedo que os nao-fumadores (mais ou menos 15 anos mais cedo), para além de estar mais susceptíveis a perda de audiçao como consequencia de infecçoes do ouvido.
5. Câncer Cancro de pele - Males do Cigarro
Apesar do fumo nao causar o melanoma (câncer), aumenta as probabilidade de se morrer desta doença, bem como aumenta em 50% o risco de carcinoma - outro tipo de câncer que deixa erupçoes na pele.
6. Cárie nos dentes - Males do Cigarro
Claramente se percebe que o fumo proveniente do cigarro interfere com a nossa boca. Os químicos nocivos do cigarro vao-se acumulando na placa dentária, amarelando os dentes e contribuindo radicalmente para a cárie.

7. Doenças pulmonares - Males do Cigarro
Existe um grande número de mortes causadas por doenças pulmonares e claras pelo câncer cancro de pulmao. Algumas doenças sao Enfisema, um inchaço rompe com nossas bolsas de ar dos pulmoes reduzindo a sua capacidade de oxigenio. Existem casos extremos onde é necessária uma "traqueotomia" que ajuda os doentes a respirar.
Bronquites crônicas também sao muito frequentes - criam um muco cheio de pus, que resulta numa tosse muito dolorosa e dificuldades de respirar.

8. Osteoporose - Males do Cigarro
O monóxido de carbono do cigarro chega mais rápido ao sangue que o próprio oxigenio deixando-o até 15% mais pesado. O resultado é no caso dos fumadores os ossos perderem densidade, fraturando-se muito mais facilmente e levando 80% mais tempo para recuperar.

9. Doença de coraçao - Males do Cigarro
Fumar faz com que o coraçao bata muito mais depressa, aumentando a pressao sanguínea e aumenta o risco de hipertensao e entupimento das artérias.

10. Úlceras no estômago - Males do Cigarro
Em suma, o fumo diminui a resistencia as bactérias causadoras das úlceras de estômago. Prejudica o estômago reduzindo-lhe a sua capacidade para neutralizar o ácido depois das refeiçoes, deixando que este corra as paredes do próprio estômago. Úlceras nos fumadores sao mais difíceis de tratar e mais prováveis de ressurgir.

11. Dedos descorados - Males do Cigarro
Em longo prazo, o alcatrao que provém do fumo do cigarro mancha os dedos e as unhas numa tonalidade + escura e com mau cheiro.

12. Câncer Cancro cervical - Males do Cigarro
O consumo de tabaco aumenta o risco de cancro cervical e uterino. O fumo também pode a médiolongo prazo criar problemas de fertilidade as mulheres e a complicaçoes durante a gravidez ou parto. Para, além disso, acelera também a menopausa.

13. Esperma deformado - Males do Cigarro
O fumo danifica o DNA do esperma e altera-o podendo causar problemas no próprio recém-nascido. Fumar também diminui a quantidade de esperma e claro o fluxo de sangue no penis, causando maiores dificuldades sexual.

14. Psoríases - Males do Cigarro
Os fumadores tem de 2 a 3 vezes mais probabilidade de desenvolver "psoríases", uma inflamaçao nao contagiosa na pele (manchas avermelhadas por todo o corpo).

15. A doença de Bueger - Males do Cigarro
Como o fumo dos cigarros danifica as paredes dos nossos vasos sanguíneos, causam dificuldade ao coraçao de bombear sangue as extremidades do nosso corpo. Em casos extremos, a Doença de Bueger pode até resultar em gangrena e consequente amputaçao de membros.

16. Câncer Cancro - Males do Cigarro
Já foram encontradas pelo menos 60 substâncias cancerígenas no fumo do cigarro (de acordo com o Action on Smoking and Health). Os fumadores tem 22 vezes mais probabilidades de desenvolver cancro do pulmao (16a) que os nao-fumadores.

De acordo com vários estudos, pode-se ainda desenvolver outros cânceres como, por exemplo,
16b - Nariz.
16c - Língua, boca, faringe e glândula salival, garganta e esôfago.
16d - Rins e penis.
16e - Pâncreas e ânus.
16f - Câncer do Seio.

Efeitos Causados Pelo Fumo sobre a Saúde
Em curto prazo A médios e longos prazos
. Irritaçao nos olhos. Reduçao da capacidade respiratória
. Manifestaçoes nasais. Infecçoes respiratórias em crianças
. Tosse e cefaléia. Aumento do risco de aterosclerose
. Aumento dos problemas alérgicos e cardíacos. Câncer
. Infarto do miocárdio

Doenças associadas ao uso do cigarro
. Doenças coronarianas (25%)
Angina e infarto
. Doenças pulmonares obstrutivas crônicas - DPOC (85%)
Bronquite e enfisema
. Câncer em geral (30%)
Pulmao (90%), boca, laringe, faringe, esôfago, pâncreas, rim, bexiga e colo de útero
. Doenças cerebrovasculares (25%)
Derrame cerebral
. Úlceras digestivas
. Infecçoes respiratórias variadas
Mas tem remédio. Jesus Cristo.